Com 8 ouros no atletismo, Brasil dispara no quadro de medalhas – boletim 26/08/2019

Brasil, seleção brasileira, atletismo, natação, judô, basquete em cadeira de rodas, futebol de 5, futebol de 7, Parapan, Jogos Parapan-americanos, Lima-2019

(Ale Cabral/CPB)
Petrúcio Ferreira, ouro nos 400m rasos t47 (Ale Cabral/CPB)

16:
O Brasil conquistou mais 16 medalhas de ouro nos Jogos Parapan-americanos Lima-2019. Destaque para o atletismo, responsável por metade das conquistas douradas, e ao judô, que deu à delegação mais três ouros.

Nas pistas, Petrúcio Ferreira inovou e resolveu correr a prova dos 400m rasos, t47. Acabou subindo ao lugar mais alto do pódio, com o tempo de 49s25. O paraibano já é dono dos recordes nos 100 e 200m rasos.

Por falar em recordes, Gabriela Mendonça quebrou o Pan-americano no salto em distância, t11/12, com a marca de 5,34m, e Clélia Rodrigues completou a festa brasileira pendurando a prata no peito.

Gabriela Mendonça conquista ouro e recorde Pan-americano na classe t11 (Ale Cabral/CPB)
Sandro Varelo, no lançamento de dardo f55, também bateu recorde pan-americano (31,30m). Ele foi acompanhado ao pódio por Walace Oliveira, que garantiu mais uma dobradinha.

Vitor Antônio de Jesus (52s78) 400m t37;
Caio Vinícius (15,31m) – arremesso de peso f11;
Mauro Evaristo (13,00m) –arremesso de peso f63;
Foram outros que terminaram com medalha de ouro e novo recorde Pan-americano.

No judô:

Luan Pimentel, ouro na categoria até 73kg (Alexandre Schneider/CPB)
25/08/2019 – jogos Paranamericanos Lima 2019 – Luan Pimentel (Branco) do Brasil luta contra Rodolfo Rodriguez da Argentina (Crédito: Alexandre Schneider/EXEMPLUS/CPB).
O Brasil conseguiu mais 6 medalhas, sendo 3 delas de ouro. Lúcia Teixeira, com um ippon, venceu a argentina Laura Gonzáles na final até 57kg. Luan Pimentel venceu todas as lutas para ficar com o ouro na categoria até 73kg, o mesmo conseguiu Meg Ennerich, categoria +70kg. Nessa mesma classe feminina, Rebeca Silva ficou com a prata.

No total, o judô brasileiro fechou com 4 ouros, 3 pratas e 4 bronzes, 11 no total.

Daniel Dias conquista mais uma medalha de ouro na carreira (Ale Cabral/CPB)
25.08.19 – Jogos Parapanamericanos Lima 2019 – Natação – Daniel Dias 50m Costas S5-Foto: Ale Cabral/CPB
5 de cada
A natação fechou o primeiro dia nas águas com 5 medalhas de ouro, 5 pratas e 5 bronzes. Daniel dias, 100m costas s5, Carlos Farrenberg 100m livre s13, Vanilton do Nascimento 100m borboleta s9, Debora Carneiro 100m peito sb14 e Felipe Rodrigues 100m livre s10 foram os medalhistas de ouro.

Destaque para as pratas de Beatriz Carneiro sb14 no 100m peito e Ruiter Gonçalves nos 100m borboleta s9, que conseguiram a dobradinha brasileira.

Novo 0x0
No futebol de 5, mais um empate sem gols do Brasil, dessa vez contra a Argentina. Os brasileiros estacionam em 4º, com 2 pontos. Nessa segunda, enfrentam o México.

Já no futebol de 7, vitória por 2 a 0 sobre os hermanos. César anotou os dois tentos.

Brasil vence na segunda rodada do basquete em cadeira de rodas (divulgação/CBBC)
Nova vitória
O Brasil venceu Porto Rico pelo placar de 80×67 em mais uma rodada do basquete em cadeira de rodas masculino. Marquinhos foi o cestinha brasileiro com 31 pontos. Agora a decisão é pelo primeiro lugar do grupo contra os EUA.

Quadro de medalhas:

Brasil segue líder do quadro de medalhas (divulgação/CPB)
O Brasil lidera com folga, com 27 ouros, 22 pratas e 29 bronzes, totalizando 78. Em 2º vem os Estados Unidos, com 18 medalhas douradas e 47 no total. Fecha os três primeiros o México, com 17 ouros e 41 medalhas ao Toto.