Doutrinação nas Scolas! Argentina vence França e enfrenta Espanha na final da Copa do Mundo de Basquete

Basquete, Argentina, Espanha, Austrália, França, Mundial de basquete, Copa do Mundo de Basquete, Campeonato Mundial de Basquete

Scola, segundo maior cestinha dos mundiais, marcou 28 pontos para classificar a Argentina à final (divulgação/Olé)

A Argentina venceu, na manhã dessa sexta-feira (13) a seleção da França por 80×66, pela semifinal da Copa do Mundo masculina de Basquete, na China. Os hermanos enfrentam a Espanha na final, que venceu, em duas prorrogações, a seleção australiana.

 

O grande destaque da partida foi ele, sempre ele, Luís Scola, no auge de seus 39 anos. O veterano anotou 28 pontos e pegou 13 rebotes. Outro que fez grande partida foi o armador Facundo Campaso, com 12 pontos, 6 rebotes e 5 assistências.

 

Pelo lado francês, Rudy Gobert, craque da equipe, só marcou 3 pontos. Ele também pegou 10 rebotes, mas fez uma partida abaixo das expectativas.

 

Esta é a terceira vez que os argentinos chegam a uma final de mundial. A seleção também conseguiu o feito em 1950, quando foi campeã na primeira edição, e em 2002, ano em que foi derrotada pela Iugoslávia.

Marc Gasol e Ricky Rubio lideraram a Espanha (divulgação/Mundo Deportivo)

Na outra partida da semifinal, a Espanha teve de jogar duas prorrogações para vencer emocionante duelo contra a Austrália por 95×88. O grande nome do confronto foi Marc Gasol, autor de 33 pontos. Ele ainda apanhou 6 rebotes e distribuiu 4 assistências. Ricky Rubio marcou 19 pontos, deu 12 assistências e pegou 7 rebotes. Sergio Lull também colaborou, com 17 pontos.

 

Patty Mills até tentou, mas nada pôde fazer para impedir a derrota. Foram 34 pontos marcados, mas o lance livre ao fim do tempo normal deu a chance que os espanhóis precisavam.

 

Nic Kai anotou 16 pontos e pegou 11 rebotes, enquanto Andrew Bogut fez 12 pontos e apanhou 9 rebotes.

A grande final será nesse domingo, às 9h, com as duas seleções tentando o bicampeonato. Antes, às 5h, tem a decisão do terceiro lugar entre França e Austrália. Os quatro estão garantidos em Tóquio-2020.