Maurício Vogue encena obra de Bortolotto em estreia nacional


Leo Fressato integra elenco / foto: Melito/divulgação

Elenco tem o cantor e compositor Leo Fressato e apresenta canção inédita. Texto é de 1983

Eles nasceram no mesmo dia. Dividiram a maternidade. E em meio a famílias com realidades sociais diferentes, construíram uma longa e bonita amizade. Essa é a história de Billy e Jesse, retratada no espetáculo À Meia-Noite um Solo de Sax na Minha Cabeça.

“Em tempos de ódio, o texto é um fio de esperança no sentido de que é possível conviver e discordar. E o amor será sempre o fiel da balança”, explica o diretor Maurício Vogue.

O texto é de 1983. Escrito pelo paranaense Mário Bortolotto, o espetáculo narra a história de Billy e Jesse. Um de família rica e próspera e outro, filho de uma prostituta e com um futuro ainda incógnito. Ao decorrer da trama, recheada de lances cômicos e “dribles políticos”, vai se aflorando, de forma emocionante e lúdica, a pureza do sentimento de amizade em ambos, e a busca por um objetivo em comum: Viver. “Esse tema é universal. A história poderia se passar em qualquer época ou lugar porque se trata da história de dois amigos”, diz Bortolotto.

Canção inédita

O espetáculo lançará uma canção inédita. A composição é de Leo Fressato, autor do hit “Oração”. Ele faz parte do elenco e a trilha original embala a história de Billy e Jesse. A direção musical é de Sérgio Justen.

No elenco também estão Diegho Kozievith, Giovana de Liz, Jeff Franco, Renet Lyon e Rhenan Queiroz. “A intolerância que vemos hoje nas redes sociais sempre foi expressada ao longo dos anos de diversas maneiras. O ódio está aí. E a gente o combate com amor”, declara Rhenan.

Serviço:

À Meia-Noite um Solo de Sax na Minha Cabeça

26 a 29 de julho – quinta a sábado 21 horas – domingo às 20 horas

Teatro Ebanx Regina Vogue (Shopping Estação)

Sete de Setembro, 2775 – Rebouças

R$20

Fonte: assessoria (Eduardo Simões – [email protected])

Foto: Melito / divulgação

Anterior FBMA e SESI traz turnê gratuita de "JK Um reencontro com o Brasil" para Curitiba
Próximo Inverno: quais são as mudanças desta estação?

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *