O CAPÍTULO FINAL DA TAÇA BARCÍMIO SICUPIRA TERÁ DESFECHO HOJE. QUEM LEVARÁ A MELHOR: CORITIBA OU TOLEDO

final; primeiro turno; taça barcímio sicupira júnior; campeonato paranaense; cultura930; esportes;

O palco da final. Foto: Divulgação/Coritiba

CHEGOU A HORA!

O alto de tantas glórias receberá mais um ato importante da história do nosso futebol. Coritiba e Toledo; Toledo e Coritiba – como você preferir – entrarão em campo, hoje (24), as 17 horas, no Couto Pereira para duelar pela taça do 1º turno do campeonato estadual.

Ambos os times chegam com a mesma campanha (2 vitórias, 4 empates) na fase de grupos, tendo pontuado os mesmos 10 pontos. Nas semi-finais do grupo A, o Toledo derrotou Operário nos pênaltis por 3×1, após um empate com um gol para cada lado no tempo regulamentar, em sua casa. Já no grupo oposto, o Coritiba foi até a cidade de Cascavel, e conquistou a sua classificação também com uma vitória nos penalidades máximas (5×3) e a igualdade zerada no marcador durante a partida.

Para a grande final, o Coritiba ganhou o direito de decidir em casa, pois na campanha na fase de grupos terminou com o maior número de gols marcados (9 contra 6). Quem vencer garante vaga na finalíssima do estadual. Por isso, a expectativa é de um jogo disputado e emocionante.

Você acompanhará a partida aqui no seu Dial, o tradicional AM 930 KHz. Confira a análise feita pela equipe esportiva da Cultura para o embate de logo mais:

Há quase um mês (27/01) as equipes se enfrentaram na fase classificatória. O jogo terminou em 0x0. Foto: Divulgação/Coritiba

CORITIBA

Coxa que enfrenta a equipe do Toledo na grande final da Taça Barcímio Sicupira Júnior, jogo marcado para Domingo (24) às 17:00 no Couto Pereira. Com Matheus Costa no comando a equipe alviverde deve repetir o time que venceu o Cascavel nos pênaltis no último fim de semana.

Verdão deve oficializar no início da semana seu novo técnico que é Umberto Louzer, que foi ex jogador e auxiliar, como técnico profissional o coxa será apenas o terceiro time do jovem treinador, que passou por Guarani e Vila Nova (no clube até quinta passada), de estilo “bravo” com atletas e manso com a imprensa ele vem para tentar fazer com que o Coritiba volte a elite do campeonato Brasileiro.

Wilson

Goleiro Wilson. Foto: Divulgação/Coritiba

Arqueiro irá completar 200 jogos com a camisa do coxa neste domingo, são quase 4 anos de momentos bons e ruins mas independente do momento Wilson sempre esteve lá com seu futebol incrível e demonstrando ser um líder como dentro e fora de campo, com 68 vitorias, 65 empates e 66 derrotas e 45% de aproveitamento goleiro e capitão do alviverde vive a expectativa de erguer a taça hoje.

 

 

O Jogo

Equipes já se enfrentaram em Curitiba na fase de grupos da competição e o coxa não teve vida fácil, por mais que teve mais posse de bola e finalizações, não conseguiu segurar a retranca do Toledo. Muito pela bela atuação do goleiro André Luiz que vem se destacando durante todo o campeonato. Mas dessa vez a equipe vem focada em conseguir o triunfo para “espantar” a derrota contra a URT na Copa do Brasil, fazendo com que a equipe da capital paranaense fosse eliminada da competição.

Por: Matheus Afonso

 

TOLEDO

Foto: Divulgação Assessoria/TEC

2008. Após subir com o título da segunda divisão na temporada anterior, este foi o ano que a equipe do Oeste do Estado conquistou sua melhor colocação dentro do Campeonato Paranaense, na história. Naquela época o Toledo chegou até as semifinais; terminou na 3ª posição geral; e ganhou o título de campeão do interior. Além disso, bateu o Coritiba e o Athletico (campeão e vice-campeão, respectivamente, naquele ano) em seus domínios, e classificou-se para a Série C do Campeonato Brasileiro.

Desde então, suas campanhas não tiveram mais brilho. Em 2010 e 2014, até foi rebaixado para a 2ª divisão do certame estadual. Quando voltou a 1ª divisão do estado, em 2012 e 2015, o Porco continuou como um mero participante ao obter campanhas sem brilho. Só que isso mudou em 2019! De azarão a um postulante ao título com números respeitáveis. Invicto, o time disputou sete jogos.

Vitórias

Empates

Derrotas Gols Marcados Gols Sofridos
2 5 0 7

4

Sua campanha o credenciou a disputar a primeira final na divisão de ouro do futebol do Paraná. Após bater o – copeiro – Operário, no último final de semana, no estádio 14 de Dezembro, o time vem para Curitiba com confiança, e transfere toda a responsabilidade para o time da casa.

Goleiro André defendeu o quarto pênalti na disputa contra o Operário e encaminhou o passaporte para a final. Foto: Divulgação Assessoria/TEC

O técnico Agenor Piccinin salienta que não mudará o comportamento da equipe para esse jogo, uma vez que, o estilo de jogo equilibrado é o fator principal que possibilitou ao grupo obter uma chance de entrar na história da instituição: “A gente tem que manter a mesma performance, evitar alguns erros que tivemos em outros jogos, principalmente na parte ofensiva, para quando a oportunidade vier matarmos o jogo”.

Dentro de campo, o Porco terá apenas um desfalque: o atacante Wayny sofreu um edema na coxa e desfalcará o Toledo, no mínimo, por um mês. No lugar dele, quem iniciará a partida é o também centroavante Willian: “A gente sabe da grandeza do Coritiba, não podemos deixar de falar que eles são os favoritos. Mas, desde o primeiro jogo nós nunca fomos favoritos. Vamos trabalhar em cima da equipe deles”. Destacou o atacante.

Por outro lado, voltam de suspensão automática dois jogadores importantes para a composição do time: o zagueiro Fandinho e o lateral direito Everton.

As principais dúvidas para o onze inicial estão nas laterais. Caso o lateral esquerdo Adriano não se recupere a tempo para a partida, devido a problemas médicos, a tendência é que o capitão Fandinho atue em seu lugar. Do outro lado, Everton disputa a posição com o atacante Eduardinho, que atuou improvisado no jogo contra o Operário no lado direito, mas, foi muito elogiado pelo comandante Piccinin.

Com isso, o provável time é: André Luiz; Everton (Eduardinho), Eduardo, Netto e Fandinho (Adriano); Jonathan, Revson, Julio César e Pacato; Tiaguinho e William.

Caso conquiste a vitória, o Toledo não ganhará somente a taça, mas também, o direito de disputar a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro da Série D, em 2020.

Na arquibancada

Se você acha que o time está empolgado, pense em quem viajará mais de 500 quilômetros para acompanhar o clube do coração. É o caso do torcedor Lucas Daniel de Ávila. Em conversa via redes sociais, ele me relatou como se sente nesse momento. “Viajaremos na madrugada de domingo. A expectativa é enorme e estamos muito confiantes”. Lucas acredita que a turbulência vivida pelo Alviverde nas últimas semanas será um fator decisivo no jogo. “Eles ainda não venceram em casa. Com a torcida pegando no pé e o Coxa pressionado, podemos explorar isso para chegar à vitória”.

Essa será a primeira vez do torcedor no Couto Pereira e ele também explica como a cidade de Toledo recebe esse momento: “Muita gente viajará por conta própria; eu irei com a organizada. Serão quase oito horas na estrada para ver o time. No fim, acredito que o espírito da equipe será diferente do empate no primeiro jogo, com muita garra e força de vontade temos tudo para chegar lá”.

Por: Gabriel de Souza

LEMBRE-SE!

A RÁDIO CULTURA TRANSMITIRÁ O JOGO

NO AM 930 KHz À PARTIR DAS 16 HORAS DIRETO DO COUTO PEREIRA.

NARRAÇÃO: CÁSSIO BIDA

COMENTÁRIOS: DIEGO SCHECHTEL

REPORTAGENS: MATHEUS AFONSO e GABRIEL DE SOUZA

CENTRAL e COMANDO DA JORNADA: VALDIR PARANÁ