O que é criatividade?

ColunistadaCultura;Criatividade

Uma das perguntas que mais ouço quando o tema é criatividade é bem básica: “o que é criatividade?”

Ser uma pergunta básica não significa que ela seja fácil ou simples de responder. Na verdade, é bem o contrário. Por isso, resolvi reunir tudo o que tenho e que já aprendi e reaprendi sobre criatividade neste texto. Se você já fez essa pergunta, espero que lhe possa ser útil.

Vamos lá. “Senta que lá vem história…”

Sempre que preciso definir algo, a primeira coisa que faço é buscar a origem da palavra. Acho que herdei esse costume da minha mãe.

  • Creare. Latim. Formar, produzir, inventar, criar. O curioso é que creare também é a origem da palavra criança e está relacionada a palavra crescere. Crescer, aumentar.

Hm, interessante.

A segunda coisa que faço é buscar o dicionário. Sempre gostei de brincar de buscar palavras e seus significados por lá. Acho que outro costume herdado da minha mãe.

  • “1. Qualidade ou característica de quem ou do que é criativo; 2. Inventividade, inteligência e talento, natos ou adquiridos, para criar, inventar, inovar, quer no campo artístico, quer no científico, esportivo etc.; 3. [Linguística] Capacidade que tem o falante de produzir e compreender um número imenso de enunciados, mesmo aqueles que não tinham sido por ele ouvidos ou pronunciados anteriormente [Decorre da competência linguística, que é o conhecimento intuitivo que todo falante possui dos princípios e regras da sua língua].”

Uau. Várias palavrinhas aí nesse item dois que podem nos ajudar (ou confundir ainda mais). Inventividade. Inteligência. Talento. Nato ou Adquirido. Criar. Inventar. Inovar. Etc.

Tudo bem por aí?

A terceira coisa que faço – e essa menos tradicional, que não aprendi com a minha mãe, mas sim com o Murilo Gun no seu curso online Reaprendizagem Criativa – é procurar a palavra no Google Imagens. Ali, temos uma boa ideia do que está escondido no imaginário coletivo, de quais imagens as pessoas (e, consequentemente, a Inteligência Artificial) relacionam com aquela palavra ou aquele tema.

  • Lâmpadas, cérebros, cores, engrenagens, tomadas, aviõezinhos de papel, formas livres, caixas abertas, papeis amassados, post-its.
  • Pesquiso também em inglês, creativity. Praticamente as mesmas imagens.

Está me acompanhando?

A quarta coisa que faço é buscar definições do assunto em frases de pessoas que têm algo para falar, que entendem do tema, que têm alguma credibilidade. Aí vão algumas frases sobre criatividade que gosto e uso em minhas aulas:

  • …becoming sensitive to or aware of problems, deficiencies, gaps in knowledge, missing elements, disharmonies and so on; bringing together available information; defining the difficulty or identifying the missing element; searching for solutions, making hypotheses and modifying and retesting them; perfecting them; and finally communicating the results.” – Paul Torrance & R.E. Myers, 1970

(Em tradução livre: …tornar-se sensível ou ciente de problemas, deficiências, lacunas no conhecimento, elementos ausentes, desarmonias e assim por diante; reunir as informações disponíveis; definir a dificuldade ou identificar o elemento que falta; buscar soluções, criar hipóteses e modificá-las e retestá-las; aperfeiçoá-las; e, finalmente, comunicar os resultados).

  • “Creativity is the process of generating unique products by transformation of existing products. These products, tangible and intangible, must be unique only to the creator, and must meet the criteria of purpose and value established by the creator.” – Welsch, 1980

(Em tradução livre: Criatividade é o processo de geração de produtos exclusivos pela transformação de produtos existentes. Esses produtos, tangíveis e intangíveis, devem ser exclusivos apenas para o criador, e devem atender aos critérios de propósito e valor estabelecidos pelo criador).

  • “The ability to see what isn’t there to recognize its power, and to make that power manifest” – Thurber & Miller, 2001

(Em tradução livre: A capacidade de ver o que não está lá para reconhecer o seu poder e fazer com que esse poder se manifeste).

Começou a complicar? Foco nas palavras.

Problemas, informações, elemento que falta, soluções, hipóteses, testes, resultado. Produtos exclusivos, transformação de produtos existentes, criador, propósito, valor. O que não está lá, poder, manifeste.

Como às vezes essas falas de especialistas podem ser bem complexas, uma quinta coisa que gosto de fazer nestes casos é perguntar para as pessoas que conheço, a minha volta, que se relacionam com o tema. E, eis que me lembrei da Academia de Criatividade de Curitiba, o grupo de amigos criativos que organizo e que, em maior ou menor grau, se interessam, estudam e praticam o tema. E fui perguntar para eles: “O que é criatividade para você?”

Aí vai um compilado das respostas interessantíssimas que recebi:

  • “Para mim é a capacidade de olhar a mesma situação por ângulos diferentes e então criar a melhor solução ou só interpretar a situação da melhor forma, se não for um problema” – WelzaWillers
  • “Criatividade é pipoca caramelizada grudadinha. Mas acho que isso só deve fazer sentido na minha cabeça rsrs” – Anderson Canteli
  • “Criatividade é se aceitar pronto para resolver todos os problemas do mundo” – Carlos Vinicius Javorski
  • “Para mim, criatividade é inspiração e depois transpiração (tem que colocar em prática, né?!). É prestar atenção com ouvidos e olhos internos, com emoção. E claro, de preferência comendo pipoca grudadinha e sem pressão” – Vilma Melo
  • “Criatividade é quando você acha uma solução diferente de todo mundo para um problema, e mesmo assim todos concordam que sua solução é a mais adequada” – Benedito Tuponi
  • “Criatividade é parar, ler as mensagens aqui e criar uma pra participar da festa” – Bruno Oxe
  • “Meu filho Miguel sempre fala: mamãe o importante não é nem ganhar e nem competir…o importante é se divertir…acho que a criatividade é assim: encontrar soluções simples, práticas e divertidas” – Rejane Peconick

Ah! Que delícia. Ficou mais leve, não ficou?

Ângulos diferentes, pipoca caramelizada, estar pronto, problemas, inspiração, transpiração, emoção, solução diferente e mais adequada, festa, soluções, simples, práticas e divertidas.

Olha quanta coisa você já sabe sobre o que é criatividade em cinco passos tão simples.

Eu poderia parar por aqui e já teríamos um bom caldo. Porém, quando o tema é criatividade, tem mais uma coisa que gosto de fazer. Eu gosto de revisitar o Reaprendizagem Criativa. Revejo algumas aulas, leio minhas anotações, assisto vídeos em velocidade máxima, só para relembrar. E, ao revisitá-lo, lembrei de uma coisa o Murilo faz que é bem interessante e ajuda muito a entender o que alguma coisa é: dizer o que ela não é (um sexto passo para a nossa jornada da definição, talvez?!).

  • Segundo Murilo, criatividade não é coisa só de artista – ela está presente em todos os lugares onde haja um problema. E, por problema (poderíamos fazer toda uma jornada de definição só dessa palavra, mas vou simplificar), entenda qualquer coisa que demande uma solução. Criatividade, então, é aplicada quando essa solução é entregue de forma diferente, gerando valor.
  • Para o Murilo, a criatividade também não é um dom – ela é a imaginação aplicada e pode ser acessada por qualquer um, basta praticar. Alguém pode até ter nascido mais criativo que você, mas o que você pode fazer para mudar a forma que nasceu? Absolutamente nada. O que você pode – e deve – fazer é praticar a sua criatividade e assim, se tornar mais e mais criativo.
  • Para o Murilo, criatividade também não é criar algo novo, do zero – é sim, combinar. Combinatividade. Pense, tudo que existe é a combinação de coisas que já existiam antes. A grande questão é o que combinar, quando, onde, para qual fim.
  • E, finalmente, para o Murilo criatividade não acontece por acaso – ela acontece por meio da prática e surge de um processo criativo composto de etapas bem definidas. Assunto para uma próxima conversa, deixa comigo!

A esta altura, imagino você já entenda bem mais de criatividade do que quando começamos, não é mesmo? Mas talvez esteja com dificuldade de juntar todas essas informações em uma resposta rápida, um tweet (eu avisei que não era assim tão simples) – afinal de contas, quem tem tempo para ler tanto texto assim? Bom, vou te ajudar:

Criatividade é imaginação aplicada para solução de problemas; é combinar o que já existe de um jeito novo, gerando valor; prática, processo.

Exatos 140 caracteres.

Mas essa é a minha definição de criatividade. Minha definição criativa de criatividade. A partir da combinação de tudo que encontrei nas minhas caminhadas buscando sobre o tema.

E para você? O que é criatividade? O que é criatividade em um tweet?