“Pra chover mais peixe” – Zé Renato com participação de Pedro Luís e Coro Instituto Sabendo Mais


Com alerta para crise ambiental e, em especial, do zelo pelas águas, “Pra chover mais peixe” conta com as vozes das crianças do Coro Instituto Sabendo Mais e adianta álbum do Selo Sesc previsto para o Dia das Crianças. 

O relatório mais recente do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas, divulgado no início do mês de agosto deste ano, concluiu que as alterações no clima causadas pelos seres humanos são irrefutáveis, irreversíveis e levaram a um aumento de 1,07º na temperatura do planeta. De fato, quem nasceu na última década está longe de ter começado essa crise, mas, num mundo à beira de um enfrentamento severo das consequências do mau cuidado com a natureza, abastecer a mensagem de alerta se faz cada dia mais necessário, sobretudo aos ouvidos das novas gerações, que vão sentir esses impactos na pele em pouco tempo.

Foi com essa inquietação na cabeça, nascida da surpresa com notícias alarmantes sobre o meio ambiente, que o cantor e compositor Zé Renato lançou o desafio a um time de intérpretes e compositores para dar forma ao seu mais novo projeto, o disco Água pra Crianças, cujo primeiro single “Pra chover mais peixe” será adiantado no dia 1º de outubro, abrindo o Mês das Crianças, nas principais plataformas de streaming e também no Sesc Digital, onde o Selo Sesc oferece o conteúdo gratuitamente e sem a necessidade de cadastro.

A faixa, também acompanhada por um videoclipe que vai ao ar no mesmo dia no YouTube, tem letra e voz do cantor e compositor Pedro Luís, conta com a voz afinada dos 10 alunos do Coro Instituto Sabendo Mais, e traz um recado em favor da natureza e contra o descuido do ser humano com as águas, expostos claramente nos versos e no refrão: “Aviso pra toda gente / Soldado e professor / Aluno e presidente / Gerente e pescador / Que pra chover mais peixe / Inundar o mar / Colorir o rio / Vai ter que cuidar.”

Para Zé Renato, a música chega num momento oportuno, em que as preocupações com a questão ambiental estão na ordem do dia do Brasil e do mundo. “A natureza está dando sinais claros desse excesso de extrativismo, de descuido.” Ao mesmo tempo, o músico ressalta que, pra ele, a arte é o instrumento propulsor dessa mensagem: “Sendo artista e cidadão, sigo tentando fazer a minha parte.”, completa.

Na parceria, em que Zé compôs a melodia e Pedro trouxe a letra, ambos corroboram que a música é a matéria-prima pra criançada fazer diferente. Para Pedro, a arte pode ser sempre uma interface complementar de aprendizados, ampliando o que é papel da educação e da cultura. “Acho que a música possui duas qualidades: é entretenimento e é portátil. Uma canção vai com você pra qualquer lugar, assobiada ou cantarolada!”, comenta.

“Pra chover mais peixe” ainda conta com Yuri Quiroga nos beats, samplers, percussão, synth, baixo, guitarra e arranjos; Everson Moraes no trombone; e Marcelo Costa na percussão.

“Eu não me considero exatamente um especialista em canções para crianças, até porque na trilha sonora da minha infância tinha a coleção O Disquinho, com as versões de Braguinha, mas também muito samba e seresta. Sendo assim, as músicas que crio surgem com todas essas referências, e procuramos inserir nos arranjos para este trabalho alguns elementos que evocam, de certa maneira, um espírito infantil.”, comenta Zé Renato referindo-se tanto aos jovens que terão contato com o som pela primeira vez quanto ao coro dos alunos da comunidade Nova Holanda da Maré, no Rio de Janeiro, dirigido pelo maestro Fabiano Monteiro, que participaram de todas as gravações.

“Este é um dos propósitos, de que as crianças adquiram informação e se divirtam ao mesmo tempo. Neste trabalho eu procurei fazer um disco poético, que trata de questões sérias, porém sem abdicar da leveza, que, a meu ver, estabelece uma conexão com as crianças, que é o principal objetivo.”, completa o músico.

Capa do single ‘Pra chover mais peixe’, de Zé Renato & Pedro Luís
Foto:
Divulgação

Ficha técnica
“Pra chover mais peixe”
Violão e voz: Zé Renato
Voz: Pedro Luís
Beat, samplers, percussão, synth, baixo e guitarra: Yuri Queiroga
Trombone: Everson Moraes
Percussão: Marcelo Costa
Coro: Duda Daniel, Miguel Thiago, Gabrielle Rocha, João Carlos, Sophya Pelais, Asafe Adonai, Gaby Vieira, Miguel Carneiro, Sofia Carneiro e Débora Souza (Instituto Sabendo Mais – Escola Nova Holanda da Maré)
Regência: Fabiano Monteiro (Instituto Sabendo Mais – Escola Nova Holanda da Maré)

Idealização, direção musical e arranjos: Zé Renato
Direção de produção: Memeca Moschkovich
Produção executiva: Guete Oliveira
Assistentes de produção executiva: Mariana Athayde e Ana Terra Moschkovich
Projeto gráfico e fotos: Philippe Leon
Foto Zé Renato: Bia Giacomini
Técnicos de gravação: Fabiano Estevão e Fernando Fischgold
Assistente de gravação: Raphael Castro

Mixado e masterizado no Rockit Estúdios por Fabiano Estevão
Gravado nos meses de fevereiro e março de 2020 no Estúdio Cia. dos Técnicos/RJ

Serviço
Selo Sesc lança single e videoclipe “Pra chover mais peixe” de Zé Renato e Pedro Luís
No Sesc Digital, YouTube e nas demais plataformas de streaming a partir de 1 de outubro

Selo Sesc nas redes
sescsp.org.br/selosesc
facebook.com/selosesc
twitter.com/selosesc
youtube.com/selosesc
sescsp.org.br/zumbido

Foto: Phillippe Leon / Divulgação