Tarefa difícil

GuilhermeZawa;

Imagem: Lee Dino

Há um hiato entre o pensar e o realizar. Na cabeça tudo funciona, toda idéia está perfeita. Por que? Porque cabeça não dá feedback. Há um hiato entre querer realizar e conseguir concretizar. Caminhar através de processos criativos é atravessar e ser atravessado pela aridez de não se saber ao certo por onde se anda enquanto se propõe sistematicamente que se vá aos lugares não cartografados da existência humana. Se preparar para isso então, é se preparar para jornadas onde se vai sozinho. O terreno é ermo e não mapeado, mas esse terreno também é você,  uma extensão daquilo que investiga, a jornada a extensão do viajante. (há quem diga que artistas são o cientista e o rato de laboratório ao mesmo tempo)

Não há atalhos para aquilo que guarda a organicidade da botânica: primeiro semente, depois broto, então árvore. O terreno não pode ser costurado ou dobrado. Aliás, isso não importa se o que vale é somente o percorrer. O chegar também não interessa, senão seria dizer que um surfista cumpre o objetivo de chegar à praia, quando em verdade apenas quer ser um com a onda.

Me parece que as vias de um processo criativo significativo (de escritores à designers, de marceneiros à cozinheiros) pedem o seu próprio código de conduta e podem se tornar áridos ou estéreis conforme o ângulo de abordagem de ação.

O caminho invariavelmente leva à novas descobertas, mas é preciso coragem para implementá-las. Há na bíblia a parábola dos  homens que ganham talentos para investir. Há dois que lucram com  a aplicação e um que enterra o dinheiro por medo do que pode acontecer. É interessante remarcar que a história não traz a narrativa daquele que tentou conseguir alguma coisa mas não o fez. A minha hipótese é que isso não poderia haver, pois quem se movimenta no processo de investigação filosófica e simbólica sempre ganha. Não há ação sem reação.

 

Anterior Dica da EMA – Dans La Maison
Próximo MPB.COM DAIO - COM CARLOS MACHADO - EXIBIDO EM 17/09/2018

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *